Livros de alumni da FLUL candidatos ao 'Prémio Livro do Ano'

Os livros O Rio das Pérolas, da antiga aluna da FLUL Isabel Valadão, e O Conquistador, de Almeida Faria, são candidatos ao ‘Prémio Livro do Ano Bertrand’.

O Rio das Pérolas, editado em Maio de 2017, concorre na categoria de ‘Melhor livro de Ficção Lusófona’, num total de 27 livros a concurso na categoria. A obra O Conquistador é uma das concorrentes na categoria ‘Melhor reedição de obras essenciais da literatura lusófona ou universal’, que é composta por um total de 43 obras a concurso na categoria.

valadaoO Rio das Pérolas leva-nos de volta à década de 40 em Macau (onde a autora viveu), juntando na mesma história a II Guerra Mundial com a realidade das noivas chinesas de portugueses. Isabel Valadão, que se formou na FLUL em História de Arte, revelou no ano passado em entrevista ao FLUL Alumni que “este é um livro sobre gente que existiu, gente real, que eu fiz ressuscitar e transportei no tempo para o cenário de uma Macau dos anos da II Guerra Mundial e para além dela… É um romance histórico em cujo enredo intervêm personagens fictícias, mas marcadas por uma certa tipicidade própria dos habitantes daquele antigo território então administrado por Portugal e, mais especificamente, durante o período em que a trama se desenrola”.

Na mesma entrevista, a autora frisava que procurou “caracterizar uma realidade presente naquele contexto mais vasto, dramaticamente influenciado por tradições em uso na China mais profunda que faziam da mulher um objecto descartável ou um ser humano dispensável. A mentalidade do próprio povo considerava-as financeiramente pesadas nas famílias mais humildes e de escassos recursos”.

almeida fariaO livro O Conquistador, editado originalmente em 1990 e reeditado em 2017, do alumnus Almeida Faria, que se licenciou em Filosofia na FLUL, aborda de forma divertida a vida de Dom Sebastião. Eduardo Lourenço considerou-o “um livro divertido, original, surpreendente e sobre si mesmo fechado como um teorema explosivo, melancólico e eufórico ao mesmo tempo”.

O 'Prémio Livro do Ano Bertrand', que este ano comemora a segunda edição, visa distinguir a obra em prosa (romance, conto ou novela), que se tenha destacado em cada uma das seguintes categorias: 'Melhor livro de ficção lusófona', 'Melhor livro de ficção de autores estrangeiros' e 'Melhor reedição de obras essenciais da literatura lusófona ou universal'.

Numa primeira fase, apenas os livreiros e Leitores Bertrand poderão votar no seu livro preferido, a partir de uma pré-selecção de 119 livros, publicados ou reeditados em 2017. Depois, a 19 de Março, estará disponível a lista final com os quinze livros finalistas, cinco de cada categoria, seleccionados pelos leitores e livreiros.

Dia 23 de Abril será divulgado o vencedor de cada categoria.

 

Texto: Tiago Artilheiro      |      Fotografia: Direitos Reservados