Antigas alunas lançam 61.ª Aventura com preocupações pedagógicas e ambientais

As alumnae Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, que se formaram pela FLUL em Filosofia na década de 1970, acabam de lançar o 61.º livro da colecção Uma Aventura, desta vez, Uma Aventura no Fundo do Mar.

alumnaammiaAs preocupações ambientais, nomeadamente, a acumulação de plásticos no mar, estão no centro da temática do novo livro, que tem como ponto de partida as férias no Algarve e uma visita ao Zoomarine feita pelas cinco personagens que dão vida à colecção Uma Aventura.

O afundamento de um navio com uma enorme quantidade de plásticos que é necessário retirar, junta-se às peripécias de um bando que se dedica ao tráfico de droga, situações nas quais as personagens se vêem envolvidas e vão tentar resolver.

Para escreverem a aventura, as alumnae acompanharam, em Julho do ano passado, a devolução à natureza de duas tartarugas reabilitadas no Porto de Abrigo do Zoomarine, que tinham sido apanhadas nas redes de um barco de pesca, com acumulação de plástico no organismo.

A temática da necessidade de preservação do meio ambiente não é uma estreia na colecção das duas alumnae, que já no livro Uma Aventura na Amazónia tinham manifestado essa preocupação.

A série Uma Aventura foi iniciada pelas duas autoras em 1982, e é sempre protagonizada pelas gémeas Teresa e Luísa e pelos amigos Pedro, João e Chico, acompanhados dos cães Caracol e Faial.

A colecção começou com Uma Aventura na Cidade e já está anunciado o próximo volume, o 62.º, intitulado Uma Aventura Voadora, que terá como cenário a Falcoaria Real em Salvaterra de Magos.

Texto: Tiago Artilheiro (FLUL-DRE, Núcleo de Imagem, Comunicação e Relações Externas)    

Fotografia: Direitos Reservados