Mafalda Veiga

Cantora e Autora

veiga mafalda

Ana Mafalda da Veiga Marques dos Santos, mais conhecida por Mafalda Veiga, nasceu a 24 de Dezembro de 1965, em Lisboa.

A infância de Mafalda Veiga foi passada em Montemor-o-Novo até aos 8 anos, altura em que se mudou para Badajoz, Espanha. É aí que começa a tocar numa viola oferecida pelo pai e tendo como mestre o seu tio Pedro da Veiga, que era guitarrista de Nuno da Câmara Pereira.

Começou por fazer as suas primeiras composições em espanhol e inglês e, em 1983, fez a primeira canção em português: "Velho". Foi com essa canção que venceu o Festival da Canção de Silves um ano mais tarde. Apresentava-se ainda como Mafalda Santos.

O ano de 1984 fica marcado na vida de Mafalda Veiga como a ano de incursão na Faculdade de Letras, no curso de Línguas e Literaturas Modernas.

Em 1987 edita o seu primeiro álbum, Pássaros do Sul, que chegou rapidamente às dez mil cópias vendidas, adquirindo o estatuto de disco de prata. Mafalda Veiga alcançou, assim, reconhecimento nacional, recebendo o Troféu Nova Gente para Melhor Cantor e ganhando a oportunidade de representar Portugal num festival internacional na Jugoslávia. É também condecorada com o Prémio Revelação, atribuído pelo Jornal Se7e, no ano de 1988.

Nesse mesmo ano lança o seu segundo álbum intitulado Cantar, sendo-lhe atribuído o Prémio de Melhor Disco pela Antena 1. Mafalda Veiga decide, então, dedicar-se à divulgação dos seus dois discos através de actuações pelo país, fazendo uma pausa no seu lançamento de discos.

O seu regresso aos álbuns dá-se em 1992, com Nada se Repete, que tem a colaboração de Luís Represas e é condecorado com o “Se7e de Ouro” para melhor disco.

Nos anos seguintes actua em locais como Macau e Cabo Verde. Em 1996 edita outro álbum, Cor da Fogueira, cujo concerto de apresentação ocorre no CCB. Três anos depois lança novo disco, de seu nome Tatuagem.

Em Maio e Outubro de 2000, Mafalda Veiga actua perante uma plateia esgotada no CCB e no Rivoli, resultando daí o álbum Mafalda Veiga ao Vivo, disco de platina. Neste mesmo ano compõe quatro músicas originais para a telenovela Olhos de Água.

Mafalda Veiga continua a expandir a sua discografia, com Na Alma e na Pele, lançado em 2003, que originou mais dois concertos esgotados no Coliseu dos Recreios em Lisboa.

Em Outubro de 2005, Mafalda Veiga recebe o Prémio Carreira Prestígio da Rádio Central FM de Leiria. Lança mais três álbuns, Lado a Lado, Chão e Zoom, nos anos de 2007, 2008 e 2011, respectivamente.

Em Novembro de 2016 lançou um novo álbum, "Praia". Na altura, Mafalda Veiga lançou um convite exclusivo aos Alumni da FLUL para assistirem ao lançamento deste novo trabalho. Reveja aqui.

Mafalda Veiga foi também a artista musical convidada para actuar no 1º Encontro de Antigos Alunos da FLUL, que decorreu a 7 de Dezembro de 2017. Veja as fotografias aqui.