Alexandra Moreira do Carmo

Cantora

moreira

Alexandra Margarida Moreira do Carmo, mais conhecida por Xana, é uma cantora portuguesa que ganhou visibilidade como vocalista da icónica banda dos anos 80, Rádio Macau. Licenciada em Filosofia, iniciou os seus estudos na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa em 2004, tendo concluído o Doutoramento em Filosofia, em 2015, com uma tese intitulada Henri Maldiney, Vertigem da Existência e Arte Existencial.

Xana terá começado a cantar aos 14 anos, mas foi com cerca de 18 com a entrada na banda Rádio Macau, que atingiu a notoriedade. Após a gravação de uma maqueta com duas músicas e algumas sessões na Rádio Renascença, a banda assinou contrato com a editora EMI. Os Rádio Macau editam, em 1984, o seu primeiro álbum, homónimo, de que se destacam os sucessos Bom Dia Lisboa e Um dia Mais.

Durante a década de 80, a banda edita mais três discos com grande êxito: Spleen, Elevador da Glória e O Rapaz do Trapézio Voador. Em 1992, lança A Marca Amarela, que lhe vale o primeiro disco de prata. No entanto, um ano depois, a banda separa-se devido ao cansaço decorrente da exigência dos ensaios.

Xana decide, então, enveredar por uma carreira a solo, estreando-se com o álbum As Meninas Boas Vão para o Céu, as Más para Todo o Lado, em 1994. No ano seguinte, colabora na compilação de Natal Espanta Espíritos com o tema original Final Do Ano (Zero a Zero) e em 1998 lança o seu segundo álbum a solo Manual de Sobrevivência (NorteSul).

Pondo fim a um interregno de vários anos, os Rádio Macau reúnem-se em 1998 e participam no disco de homenagem aos Xutos & Pontapés em 1999 com uma versão de Morte Lenta. Regressam aos concertos e aos álbuns com Onde o Tempo Faz a Curva.

Após o lançamento de mais algumas compilações e reedições, editam os seus dois últimos álbuns Acordar (2003) e 8 (2008). Xana tem uma participação fulcral em todos os álbuns, marcando a sonoridade da banda com a sua voz distinta